Gênio Criador Editora

Livros sobre ensino no Dia Mundial da Educação

Veja indicações de algumas obras que falam sobre os desafios dos educadores em vários aspectos, além de propor caminhos e inovações na área

Por Danilo Moreira

Quais são os desafios da Educação no Brasil?

A resposta para essa pergunta certamente renderia muitas linhas.

Além das necessidades em termos de políticas públicas, as evoluções tecnológicas transformaram o mundo, as relações humanas e o âmbito educacional.

Assim, além de encarar desafios que às vezes podem envolver itens básicos, os educadores também precisam se adaptar às demandas de uma sociedade em constante transformação e formar cidadãos preparados para viver nesse cenário.

Livros sobre bipolaridade

Obras abordam sobre os sintomas de transtorno bipolar, dão orientações sobre diagnóstico e tratamento, além de lições sobre o cotidiano com a doença

Por Danilo Moreira

Você sabe o que é bipolaridade?

O transtorno afetivo bipolar (TAB) ou transtorno bipolar do humor (TBH) tem como principal característica a alternância de dois estados emocionais distintos, tais como extrema tristeza e intensa euforia.

Essas flutuações de humor podem influenciar negativamente no comportamento e atitude dos pacientes, afetando a saúde mental e a qualidade de vida. Por isso, é importante procurar um médico especializado para identificar e tratar a doença.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o transtorno afetivo bipolar atinge atualmente cerca de 140 milhões de pessoas no mundo.

Para conscientizar sobre a importância da identificação e tratamento da doença, A International Society for Bipolar Disorders estabeleceu o Dia Mundial do Transtorno Bipolar, celebrado no dia 30 de março, dia de nascimento do pintor holandês Vincent Van Gogh, postumamente diagnosticado. 

Publicações contam e refletem sobre os primórdios, bastidores, curiosidades e legados do evento que revolucionou a arte brasileira a partir do século XX

Por Danilo Moreira

O mês de fevereiro marca o centenário da Semana de Arte Moderna de 1922, que aconteceu entre os dias 13, 15 e 17 daquele ano no Theatro Municipal de São Paulo, na capital paulista.

Com uma proposta de fazer uma arte “mais nacional,” o evento revolucionou a cultura brasileira e deixou diversos legados por meio do movimento modernista.

Para celebrar a data, a Gênio Criador Editora selecionou alguns livros que tratam sobre os antecedentes, nuances, curiosidades, consequências, contribuições do evento, além de propor reflexões sobre a Semana e o modernismo brasileiro.

São obras de não ficção e que podem contribuir para quem deseja pesquisar sobre o assunto, ou apenas saber mais sobre esse importante marco histórico brasileiro.

Confira a seguir:

livros lançados pela Gênio Criador Editora em 2021

Publicações abordam diversas áreas do conhecimento, contribuindo com reflexões, novas visões e histórias inspiradoras

Por Danilo Moreira

Com o início de um novo ano e o balanço do anterior, estamos super felizes com os resultados que conquistamos até aqui. Em 2021, a Gênio Criador Editora publicou 19 livros.

As obras tratam de diversos assuntos e áreas do conhecimento, contribuindo para novos olhares, trazendo propostas de reflexão e ações inovadoras.

A diretora Editorial da Gênio Criador Editora, Cleusa Sakamoto, conta que, com a continuidade da pandemia de Covid-19 em 2021, a editora enfrentou muitas restrições nas atividades presenciais, que dificultaram reuniões com os autores e organizadores, além de impedir os lançamentos presenciais de livros.

“Com criatividade e esforço conjunto, buscamos soluções que minimizaram as restrições e nos permitiram fortalecer nossos laços com nossos queridos autores!”, afirma Cleusa. 

A diretora Editorial complementa: “A Gênio Criador sente-se honrada em apoiar nossos autores e contribuir com a publicação de obras relevantes que procuramos realizar com qualidade excelente em todos os quesitos de um projeto editorial”.

Publicações tratam sobre as origens da concentração de renda, seus efeitos e possíveis soluções

Por Danilo Moreira

O Brasil segue como um dos países com maior desigualdade social no mundo. Um estudo recente do banco Credit Suisse apontou que, em 2020, quase metade da riqueza do país (49,6%) estava na mão do 1% mais rico da população.

É o pior nível de concentração de renda em duas décadas, agravado pela pandemia de Covid-19. São números mais elevados do que em outros países latino-americanos, como o México (33,6%) e o Chile (31%).

Para contribuir com a reflexão sobre um problema tão estrutural em nosso país, a Gênio Criador Editora selecionou alguns livros sobre desigualdade social. São obras que falam das origens, conceitos relacionados, além de propor reflexões e soluções.

Confira a seguir:

Página 1 de 18

Seja um Gênio você também!

Busca